Hotel Mundet será alvo de investimento de 7,5 milhões de euros

Por a 12 de Março de 2019 as 12:34

É o novo quatro estrelas no Seixal e vai nascer na antiga fábrica corticeira Mundet. O  Hotel Mundet,  que surgirá brevemente em pleno núcleo urbano antigo do Seixal, de aspeto renovado e que foi adjudicado em dezembro último, será o primeiro empreendimento turístico de quatro estrelas da frente ribeirinha e contará com 84 apartamentos. Na cobertura, terá piscina e áreas de apoio, bar, solário e zona lounge. “Está subordinado ao tema da cortiça, pela memória do espaço em que se insere, e terá um prazo de execução de 20 meses. Estima-se um investimento de cerca de 7, 5 milhões de euros”, refere a Câmara Municipal do Seixal em comunicado.

O projeto hoteleiro será apresentado oficialmente no próximo dia 14, quinta-feira, na Bolsa  Turismo Lisboa (BTL). O grupo imobiliário Libertas venceu a hasta pública para a concretização da obra, conforme a imprensa regional avançou no início do mês. De acordo com  António J. Gonçalves, presidente do Grupo, em declarações ao Diário da Região Setubalense, o investimento deverá ser superior a 13 milhões de euros.

Seixal de olhos postos no turismo

O Seixal vai ser o município convidado da 31.ª edição da Bolsa de Turismo de Lisboa, que vai ter lugar de 13 a 17 de março. A autarquia irá apresentar os vários projetos que está a desenvolver no âmbito da promoção do turismo. Entre eles, há planos para a requalificação da  Baía do Seixal . “Estamos a desenvolver projetos que permitirão reabilitar toda a zona, que abrange o Hotel da Quinta da Trindade, o Porto de Recreio do Seixal – Hotel Largo dos Restauradores, o Eco Resort do Seixal na restinga da Ponta dos Corvos ou o Hotel e Porto de Recreio de Amora”, adianta a mesma nota informativa.

Em 2018, o número de visitantes no Posto Municipal de Turismo aumentou 90% face a período homólogo. Já o número de dormidas por parte de cidadãos estrangeiros aumentou 51%, em 2017. O aumento também se fez sentir no alojamento local, sendo que, só em 2018, houve 85 novos registos (mais do dobro dos que existiam no ano anterior), o que totaliza, até à data de hoje, 149 alojamentos locais, conclui o município. 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *